• Dra. Cristina Freire

Obesidade e Depressão

A depressão é definida pela organização mundial de saúde como um transtorno mental comum, caracterizado por tristeza, perda de interesse, ausência de prazer, oscilações entre sentimentos de culpa e baixa autoestima, além de distúrbios do sono ou do apetite.

Obesidade causa depressão ou a depressão causa obesidade?


A obesidade e a depressão são doenças de “mão dupla”, a obesidade pode causar depressão e a depressão pode causar obesidade, não necessariamente devido a uma relação de causa/efeito. A obesidade é uma doença crônica, que tem um estigma social forte, de muitos preconceitos até mesmo pelos profissionais de saúde, causando muitas vezes uma baixa autoestima, isolamento social, insatisfação corporal, que resultam em intenso sofrimento psíquico.


A depressão é definida pela organização mundial de saúde como um transtorno mental comum, caracterizado por tristeza, perda de interesse, ausência de prazer, oscilações entre sentimentos de culpa e baixa autoestima, além de distúrbios do sono ou do apetite.

Muitas vezes quando estamos deprimidos podemos comer sem perceber, isso acontece depois de passarmos por estresse crônico, como grandes perdas quanto maior o estresse, maior é a liberação de cortisol. Como este regula a diferenciação do tecido adiposo, bem como sua função e distribuição, seu excesso contribui para o acúmulo de gordura, principalmente na região abdominal, podendo causar obesidade.


Alguns estudos que acompanham os pacientes que realizam cirurgia bariátrica, apontam uma melhora significativa do humor com a perda de peso,encontrando uma associação positiva da relação entre uma menor perda de peso ou recuperação de peso com o grau maior grau do IMC. O ideal seria tratar as duas doenças simultaneamente com profissionais especializados.


Artigo desenvolvi