• Dra. Andrea Pereira

Deficiência de Vitamina D, Cálcio e Zinco após a Cirurgia Bariátrica


Vitamina D e Cálcio

A vitamina D é um regulador do metabolismo do cálcio. Nos pacientes pós-cirúrgicos a sua deficiência pode chegar a 73%, estando mais relacionada à osteoporose, doença secundária da paratireóide e distúrbios do cálcio. A principal causa é a má-absorção devido à redução cirúrgica do trato gastrointestinal, porém a redução do consumo de alimentos ricos em cálcio e vitamina D por intolerância pode exacerbar o quadro e aumentar o risco de fraturas.


Como a perda de massa óssea e osteoporose não apresentam sintomas, devemos realizar exame de densitometria óssea rotineiramente para fazer o diagnóstico. Nesses casos, devemos acrescentar o paratormônio, cálcio total, fósforo, 25-OH vitamina D e níveis de cálcio na urina de 24h.


Alguns casos de depressão são associados a deficiência de vitamina D, mas a maioria dos pacientes não sentem nada de sintomas.